HomeLivrosA Morte de Carlos Zéfiro, um livro que é a morte.

A Morte de Carlos Zéfiro, um livro que é a morte.

Este será um texto curto, quer dizer, curtíssimo. Eu nunca havia lido um livro para não entender e achar tão chato, mas mesmo assim resolvi trazê-lo para você. Sabe por que? Eu o comprei devido ao fato de adorar Carlos Zéfiro e pelo livro ser identificado como novela. Como eu já havia publicado aqui, Zéfiro é um desenhista que inspirou muitos jovens nas décadas de 50 e 60 do século XX. Quando a gente encontra algum material dele, dá aquela coceirinha na mão e corremos para comprá-lo a fim de ter mais leituras a respeito de quem a gente curtiu ao ver o primeiro desenho.

No entanto, nem toda leitura é válida porque algumas são incompreensíveis e não prendem a nossa leitura. Com este livro foi assim. Desculpa, Chiavenato, pela sinceridade. E não adianta dizer que é porque eu sou burrinha, visto que meu repertório linguístico não é tão pobre assim. Consigo ler e entender metáforas muito bem. Hum!

Apesar da má leitura, o projeto gráfico é muito bom e ele traz um capítulo cujo nome nos faz lamber os beiços chamado “Tudo se cura com cinco letras: FODER”. A cada novo capítulo do livro, há um excerto de Jorge Luis Borges e, neste quesito, é puro amor. Caso resolva comprar assim mesmo e lê-lo, vem cá me dizer o que você entendeu, please. Pode ser que eu tenha lido em dias não muito bons e por isso tenha ficado cega a entendimentos. Oh, esperarei ansiosa. Enquanto isso, fiquem com algumas fotos que tirei desse livro que me matou de tédio.

 

Fotografia: Lu Rosário

A Morte de Carlos Zéfiro03

A Morte de Carlos Zéfiro04

 

PS: Não encontrei nada no Google a respeito do livro, apenas o livro para venda.

 

Gostou? Compartilhe
Quantas estrelas merece esse artigo?

Baiana. Graduada em Letras Vernáculas e estudante de Jornalismo. Realizou pesquisa em Análise do Discurso, estudando a produção do discurso pornográfico. Descobriu-se apaixonada por assuntos relacionados ao sexo e a sexualidade. Adora brincar com as palavras e fotografias.

luu.rosarioo@gmail.com