Contos Hot,  Sem Tabus

A AMIGA DO TRABALHO

Tudo começou há dois meses. Eu mudei de horário pra render férias de um colega de trabalho. Então, saíamos todos os dias no mesmo horário, pegávamos o mesmo ônibus para ir embora pra casa e conversávamos sobre tudo.

Teve um certo dia que ela me perguntou como era minha vida de casado porque eu tenho a fama de safado e sem vergonha no trabalho. Então eu falei como era a rotina do meu casamento, que nem tudo são flores, ou seja, que tem seus dias bons e ruins etc.

Aproveitei e fiz a mesma pergunta de como era a rotina do seu casamento. Ela me respondeu a mesma coisa, mas eu percebi que tinha coisas a descobrir por de trás da resposta que ela tinha me dado. Desse dia em diante, todas as nossas conversas eram somente sobre sexo e fantasias sexuais até que, um dia, eu lhe disse que já tinha traído minha esposa com uma mulher mais velha que minha esposa. Neste exato momento, ela ficou interessada em saber como foi o caso que eu tive com essa mulher.

Contei tudo que aconteceu naquele dia e que, por sinal, foi umas das melhores transas que eu tive. Minha colega depois me falou que estava interessada em outro homem, mas não quis me dizer quem era ele.

O tempo foi passando, ela começou a me dizer que esse homem estava tirando seu sono, que ela ia pra cama com seu marido, mas pensando nele. Dois dias depois, fui chamado por ela para irmos almoçar juntos. Rapidamente aceitei, inventei uma mentira pra dizer a minha esposa e fui ao seu encontro.

No meio do caminho, ela me ligou dizendo para eu ir encontrá-la em um restaurante longe do nosso trabalho. Sem entender o motivo, fui para o restaurante indicado. Chegando lá, ela logo veio ao meu encontro e me beijou. Naquele momento, eu havia entendido o motivo do encontro.

Não ficamos nem 5 minutos por ali. Fomos para o motel que tinha perto e,
chegando no motel, começamos a nos beijar. Ela me disse que o homem que estava tirando o seu sono era eu. Subimos para o quarto. Ela já estava quase sem roupas. Ao sair do banheiro, ela já estava em cima da cama toda nua. Fui para cima dela beijando seu corpo por inteiro e, quando comecei chupar a sua buceta, ela se contorcia de tanto tesão. Chupei até ela gozar na minha boca. Foi delicioso beber o eu seu gozo que escorria como mel. Depois a coloquei de 4 e comecei a chupar seu cuzinho.

Ela falou que era a vez dela me dar um trato e começou a chupar meu pau com muita vontade. Que boca maravilhosa ela tem! Logo depois, ela sentou no meu pau e começou a rebolar devagarinho e eu, ao mesmo tempo, chupando seus seios e brincando com seu grelo, ela gozou novamente.

Coloquei ela de 4 novamente e comecei a socar bem forte e fundo como me pedia. Ela também me pediu para comer o seu cuzinho que estava piscando de tanto prazer. Deixei ele bem molhado e, então, coloquei minha rola dentro. Estava apertadinho e o meu tesão era tanto que não consegui me controlar e acabei gozando dentro do seu cuzinho, enchendo ele com a minha porra.

Foram 3 horas de puro sexo e tesão à flor da pele. Depois que chegamos no trabalho, ficamos conversando como se nada tivesse acontecido e, na saída do trabalho, já marcamos outro almoço maravilhoso.

Despudorado safadinho.

Avatar

Jornalista. Baiana. Leonina. Apaixonada por tudo o que diz respeito a sexo e sexualidade. Palavras e fotografias são suas taras.

Um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.